DEPRESSÃO NOS ESTUDOS


Estudantes de pós-graduação têm mais chance de terem depressão



Pesquisa foi feita com mais de 2.200 estudantes de 26 países

Depressão e ansiedade são transtornos frequentes na vida de pessoas que se dedicam à pós-graduação. É o que mostra uma pesquisa da Universidade do Texas, nos Estados Unidos.

De acordo com o estudo, esses estudantes têm seis vezes mais chances de experimentar os sintomas. Durante a pesquisa, mais de 2.200 estudantes foram entrevistados, em 26 países. 90% eram alunos de doutorado, e os outros 10% de mestrado.

Nos resultados, 41% dos estudantes mostraram sinais de ansiedade, e 39% de depressão. Na população geral, a média é de 6%.
Os pesquisadores cruzaram as respostas e encontram alguns motivos em comum para os transtornos. O primeiro foi o gênero. Os grupos mais vulneráveis à depressão e ansiedade são os transgêneros, seguidos das mulheres e, por último, os homens.

Outro fator é a vida-trabalho, que envolve falta de equilíbrio e de vida saudável. Por último, o estudo mostrou que muitas vezes os estudantes não acham que recebem a atenção devida dos orientadores e professores do curso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Folha da Comunidade DF - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo