VIADUTO DA EPTG - Obras de alargamento serão retomadas


Paralisadas desde abril de 2018 por falhas no projeto executivo, as obras de alargamento do viaduto da Estrada Parque Taguatinga Guará (EPTG) serão retomadas nesta semana.


Com 60 metros de extensão, o viaduto, atualmente, tem três faixas em cada sentido, totalizando 20 metros de largura – espaço que, após a conclusão dos serviços, será de 41,80 metros de largura.

Serão 11 faixas, entre 3,5 metros e 4 metros, para a circulação de veículos, sendo cinco faixas no sentido Plano Piloto e quatro faixas no sentido Taguatinga, além de duas faixas centrais para ônibus com largura de quatro metros.
“A conclusão do alargamento do viaduto vai desafogar o trânsito para os mais de 135 mil veículos que trafegam diariamente por este trecho”, avalia o secretário de Obras do DF, Izidio Santos. “Esta é apenas uma das obras para melhorar o trânsito de Taguatinga. Outras estão previstas para saírem do papel”.

A nova parte do viaduto será construída no vão central que, situado entre as vias existentes, atualmente tem 19 metros de largura. Segundo informações do secretário de Obras, a nova extensão será construída em concreto protendido e terá 33,60 metros de comprimento.

* Com informações e foto da Secretaria de Obras

FINANCIAMENTO HABITACIONAL - A Caixa Econômica anuncia redução de juros


Boa notícia para aquelas pessoas que sonham em comprar a casa própria.

A Caixa Econômica Federal vai reduzir as taxas de juros cobradas no financiamento imobiliário com recursos da poupança.

De acordo com o vice-presidente de Habitação da Caixa Econômica Federal, Jair Luis Mahl, a nova taxa passou para 8,5% ao ano.


As novas taxas vão valer não apenas para a aquisição de imóveis novos, mas também para o financiamento de imóveis usados, a compra de terreno para construção, a construção em terreno próprio, além de ampliações e reformas.

RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS
Além disso, a Caixa anunciou a renegociação de dívidas imobiliárias de pessoas físicas. Segundo o vice-presidente de Habitação do banco, Jair Luis Mahl, essa medida vai servir para que a população consiga colocar seus financiamentos em dia, saiam do endividamento e parem de pagar juros.


Segundo a Caixa Econômica Federal, essa renegociação vai beneficiar quase 600 mil famílias devedoras.

Fonte: Agência do Rádio (Cintia Moreira)
Foto: Ascom Prefeitura de Búzios/RJ

CONCURSO CRO/GO - 195 vagas para cargos de nível MÉDIO e SUPERIOR


Publicado o Edital do Concurso Público do Conselho Regional de Odontologia  de Goiás – CRO-GO, promovido pelo Instituto Quadrix.


Ao todo, são 195 vagas (15 efetivas e 180 de cadastro reserva) para cargos de nível médio: Assistente Administrativo I, Fiscal Regional I e Técnico de  Fiscalização; e de nível superior: Auditor de Controle Interno I, Contador  e Fiscal I. Os aprovados serão lotados na Sede Administrativa e/ou  Delegacias do CRO-GO.

As remunerações variam de R$ 1.549,00 a R$ 5.828,00, acrescidas dos  seguintes benefícios:
Vale-alimentação, no valor de R$ 1.050,00 (mil e  cinquenta reais) por mês, para aos empregados que laboram 40h semanais, e  75% do valor para os profissionais que laboram 30h semanais;
Plano de saúde  (médico, hospitalar e odontológico) com coparticipação de acordo com a  utilização;
Plano de cargos e salários;
Licença-maternidade de 120 a 180  dias;
Vale-transporte;
Auxílio-creche e pré-escola de acordo com a  legislação vigente.

Os candidatos poderão se inscrever, exclusivamente via internet, no  endereço www.quadrix.org.br, ATÉ o dia 08 de julho de 2019. 
As taxas de  inscrição são de R$ 55 (médio) e R$ 70 (superior).

A avaliação dos candidatos compreenderá prova objetiva (com 120 itens para  marcação de CERTO ou ERRADO) e prova discursiva, ambas de caráter  eliminatório e classificatório, e aplicadas no dia 04 de agosto, no turno  da tarde, na cidade de Goiânia (GO).


O Edital (na íntegra) pode ser acessado em www.quadrix.org.br.

Fonte: Instituto Quadrix

DOAÇÃO DE LEITE HUMANO - Doe leite materno, alimente a vida

DOAÇÃO DE LEITE HUMANO 

De janeiro até o momento, foram cadastrados 64.252 bebês em todo o Brasil precisando de leite materno.

Os prematuros e bebês de baixo peso internados nas unidades neonatais não têm força suficiente para sugar o alimento diretamente do peito da mamãe, e por isso precisam da ajuda de doadoras que têm leite materno em excesso. 
O leite materno é processado no banco de leite humano e é passado para os bebês em um copinho ou por sonda. De qualquer forma, ele chega à criança.
A consultora técnica da Coordenação-Geral de Saúde da Criança e Aleitamento do Ministério da Saúde, Renara Guedes, explica porque o leite humano é tão necessário:

“Esses bebês prematuros se recuperam mais rápido, têm o desenvolvimento da flora intestinal diferenciado, quando são alimentados pelo leite materno. Têm menor chance de ter infecção na unidade neonatal. São bebês que realmente são beneficiados e vão sair mais rapidamente dessa internação.”

Em 2018, foram coletados 186 mil litros de leite humano em todo o país. Mas esse número representa apenas 55% da real demanda. Se você está amamentando e quer ajudar a salvar vidas, procure o Banco de Leite Humano mais próximo. 


Doe leite materno, alimente a vida. Para mais informações, acesse:
www.saude.gov.br/doacaodeleite.

Fonte/Imagens: Agência do Rádio

TURISMO NO BRASIL - Bolsonaro defende como importante atividade econômica para o país


TURISMO NO BRASIL
Bolsonaro defende como importante atividade econômica para o país.


O presidente da República, Jair Bolsonaro, esteve na sede da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), em Brasília, para a apresentação de Gilson Machado Neto, o novo presidente do instituto ao trade turístico nacional.


Gilson Machado Neto e Jair Bolsonaro
Foto_ Pablo Peixoto /Embratur
 Na ocasião, ambos discursaram sobre o potencial do turismo brasileiro e como o setor pode ser uma saída rentável para a recuperação da economia.

Em sua fala, Bolsonaro aproveitou para destacar as belezas do País e o potencial que o Brasil possui para se realizar a atividade turística, bem como a necessidade de buscar avanços e caminhar para um cenário com menos entraves para investimentos.“Nós temos tudo para, via o turismo, ajudar a economia. Se depender da minha caneta, de um decreto, estarei à disposição do progresso e do meu País”.

Sobre a escolha de Gilson Machado Neto para comandar a Embratur, o presidente Jair Bolsonaro fez questão de ressaltar o perfil técnico e competente da nova liderança e a necessidade de renovar a visão do setor.



O pernambucano Gilson Machado Neto fez também um discurso eloquente, em favor do setor e ressaltando o valor da instituição e dos servidores. Disse também que vai trabalhar para a transformação da Embratur em agência, para que o Brasil ganhe competitividade junto ao mercado internacional.



Gilson Machado Neto reforçou a necessidade de tratar o turismo como uma atividade econômica e de transformação social ao falar sobre como será sua gestão à frente do Instituto: "aqui não só estará o presidente desta Casa (Embratur), mas um patriota lutando por dias melhores para a sua gente. Acredito no turismo como um elo para alavancar a nossa economia".

O evento contou também com a participação do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, do secretário de Assuntos Fundiários, Luiz Nabhan Garcia, do deputado federal Newton Cardoso, presidente da Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados, do deputado federal Daniel Coelho, da Secretária de Turismo do Distrito Federal, Vanessa Mendonça, do Secretário Estadual de Turismo de Pernambuco, Rodrigo Novaes, do presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis, Manoel Linhares, entre outras autoridades e lideranças da cadeia produtiva do turismo. 

Fonte: ASCOM - Assessoria de Comunicação - Embratur 





GRIPE CANINA - Como diagnosticar e prevenir


Com a chegada do outono e a consequente queda nas temperaturas muito se fala sobre a proliferação de doenças respiratórias, especialmente a gripe. 
Mas você sabia que os cães também podem desenvolver este tipo de doença?


É a Tosse dos Canis – também conhecida como gripe canina -, síndrome respiratória complexa transmitida por vírus ou bactérias que pode afetar animais de todas as raças e idades.

Durante o outono e o inverno, quando o tempo fica mais frio e seco, o que dificulta a dispersão das partículas transmissoras da doença, a transmissão da Tosse dos Canis é facilitada. Somado a isso, está a queda da resistência imunológica dos cães, que tendem a ficar com as vias aéreas mais ressecadas e, portanto, desprotegidas.
Por ser altamente contagiosa, a doença exige alguns cuidados dos tutores, que devem redobrar a atenção com os sintomas dos seus peludos. Tosse seca, secreção, falta de apetite e febre são alguns dos sinais de alerta. Em casos mais graves, o pet pode também apresentar coriza e secreção nos olhos. Ao notar qualquer um desses sintomas, um veterinário deve ser consultado.
O diagnóstico pode ser feito por exames laboratoriais, que vão desde hemogramas de rotina até provas bioquímicas, ou mediante avaliação clínica do médico veterinário.
Segundo Andrei Nascimento, médico veterinário e gerente de produtos da unidade Pet da MSD Saúde Animal, a doença pode ser transmitida aos animais sadios tanto pelo contato com um pet doente, como pelo ar e compartilhamento de vasilhas e brinquedos contaminados. Por isso, a vacinação é a medida mais efetiva de prevenção.


Para os animais que ainda não foram vacinados, vale ressaltar que hoje já existe uma alternativa que garante proteção mais rápida e indolor.
 “A vacina de administração intranasal além de indolor – já que são aplicadas por meio da narina do animal -, oferece proteção em apenas 72 horas após a aplicação” explica o especialista, que ainda ressalta que a sua aplicação pode ser feita em filhotes a partir de três semanas de vida.

Quando não tratada, a doença pode causar complicações, como pneumonias. Em casos muito raros, a Tosse dos Canis pode levar o animal a óbito. Além da vacina anual, alguns outros cuidados podem ser adotados para manter o seu cachorro longe dessa doença. Abaixo seguem alguns deles:

Evite passeios com o cão em horários mais frios;

Caso o cachorro fique na área externa da casa, providencie um abrigo que o proteja do vento, principalmente durante a noite;

Evite choques térmicos, como exposição do animal a temperaturas baixas após um banho quente, por exemplo;

Ao viajar com o seu cão ou sem ele (deixando-o hospedado em um hotel) procure antes o médico veterinário de sua confiança para que ele possa orientá-lo corretamente sobre a melhor prevenção para cada uma das situações.


SOBRE A MSD SAÚDE ANIMAL
Com foco em desenvolvimento de medicamentos e serviços inovadores para veterinários, produtores e proprietários de animais de estimação, a MSD Saúde Animal é uma companhia global com mais de um século de história, presente em mais de 50 países e com produtos disponíveis em 140 mercados. Conhecida nos Estados Unidos e Canadá como Merck Animal Health, a empresa biofarmacêutica é uma das líderes de mercado no fornecimento de produtos voltados a saúde animal. Seu propósito é melhorar a vida das pessoas por meio do compromisso com a ciência, trazendo ao mercado produtos que entregam mais saúde e desempenho aos animais.
Para mais informações, visite www.msd-saude-animal.com.br.

Fonte: Ketchum
Foto: Internet 

MINHA CASA, MINHA VIDA - Moradores do Entorno protestam contra o corte no programa


Empresários, construtores e operários do Entorno do Distrito Federal se reuniram na Esplanada dos Ministérios para protestar contra os cortes do governo federal para o programa MINHA CASA, MINHA VIDA  no Estado de Goiás.


Várias cidades do Entorno compareceram ao protesto. Só em Águas Lindas de Goiás, foram disponibilizados mais de 20 ônibus por parte da Associação de Construtores para conduzir os manifestantes até o local.

Os manifestantes seguiram em caminhada até o Ministério de Desenvolvimento Regional (MDR). No prédio da pasta, eles cobraram uma resposta sobre os recursos que deveriam ser destinados para o programa habitacional.
De acordo com a Associação dos Construtores de Águas Lindas (ASCOAL), mais de 250 empreendedores foram afetados e aguardam receber os repasses para honrar pelo menos 3 mil contratos que precisam ser efetuados.
Essa manifestação contou com o apoio de várias prefeituras, pois o impacto econômico pela falta de repasses dos recursos do programa MCMV tem afetado a arrecadação de recursos dos municípios e diminuído o fluxo econômico nas cidades do Entorno do Distrito Federal.
O prefeito de Águas Lindas, Hildo do Candango, destacou a importância do repasse desse recurso para o município.


Durante a tarde, os manifestantes foram recebidos pelo Ministro do Desenvolvimento Regional (MDR), Gustavo Canuto, que se comprometeu a fazer um remanejamento de recursos de regiões que não estavam utilizando o valor reservado ao programa MCMV.
Na reunião, ficou definido destinar o valor de 3.8 bilhões de reais e 112 milhões reais de subsídio para o Estado de Goiás. A notícia foi comemorada pelos empresários, construtores, operários e corretores que já entraram em contato com os compradores informando que irão dar andamento na entrega da chave dos imóveis.

Fonte/Fotos: Ascom Prefeitura de Águas Lindas/GO

© Folha da Comunidade DF - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo