GOLPE PARA DELETAR A ACIT E PREJUDICAR TAGUATINGA?

GOLPE PARA DELETAR A ACIT E PREJUDICAR TAGUATINGA?

Mais personagens estranhos a rotina de Taguatinga estão se manifestando contra a ACIT que, com a proposta de conseguir uma melhor representatividade politica para a cidade, assumiu o protagonismo de várias ações envolvendo lideranças taguatinguenses insatisfeitas com o que chamam FALTA DE RESPEITO!


Toda a polêmica partiu desta postagem abaixo ( foto e texto) nas redes sociais cuja repercussão negativa foi um efeito inesperado e indesejado pelo seu autor:

*(Telefone não divulgado a critério do site/blog, que não tem a autorização para a divulgação)
* A foto foi postada em rede social com acesso público. Não consta o autor.



A REPERCUSSÃO NA CIDADE
Vários cidadãos, ao tomarem conhecimento da novidade se manifestaram em grupos de whatsapp sobre o texto. As postagens abaixo, que estão printadas para confirmação, estão sendo reproduzidas com os erros de pontuação ou de grafia, na integra:

“Tem alguém da diretoria da Acit nesse encontro”?

“Estranho o presidente da Associação Comercial e  Industrial de Taguatinga não fazer parte do grupo. Que loucura”!

“Por que não ficamos sabendo , já que somos empresários dessa cidade”??

“Chico Sávio e Talal Abu, são ex presidentes, isso não quer dizer a ACIT esteja no Conselho, pois, ficou muito claro que outra entidade invade a cidade, ou não, já que os donos da cidade, Adm. Deputada, não tem nenhum respeito pela nossa entidade”?

“O Lustosa e a Sandra Farah  tão pecando”!

“Não podemos aceitar esse conselho e muito menos reconhecer. Sou totalmente contra”.

“Absurdo”

“Desnecessário”!

“Peço a mobilização da ACIT”

“Isso não pode acontecer, já que, estamos ha mais de 50 anos ajudando a gerir esta cidade”!                       

“Falta de respeito”.

“A casa do empresário de Taguatinga em ação”!
“Depois perguntam porque não participo mais dos movimentos de Taguatinga”.

“Devemos entrar com uma representação no ministério público urgente”.

“Vergonhoso”!

“Nome do grupo “Empresários de Taguatinga em ação" criado por quem! Vamos ficar calados”?

“Presidente Justo, não tem culpa, mas está sendo vitima dos DONOS da nossa cidade”!

“Contem comigo e com o apoio jurídico necessário”!

“Absurdo e desrespeitoso”

“Aliás, o desrespeito é para com toda a ACIT, já que os membros, nenhum foi convidado”!

“Lamentável ver como algumas pessoas se deixam manipular pela Faraj e ainda envergonham nossa cidade e seus empresários. Vamos mostrar que não têm representatividade e nem legitimidade. O Conselho que “montaram" é um acinte àqueles que realmente sempre lutaram por nossa cidade”.

“Vamos ficar atento com esses espertalhões que se dizem representantes da nossa Taquatinga e principalmente passando por cima do Presidente da ACIT Justo Magalhães. ... tô com Justo, Bueno e Ronaldo”.. Civaldo Rebouças

“Não sou empresário e a minha aproximação com a Acit nos últimos anos foi por conta da visão politica do bem comum que ali encontrei. Depois, esse grupo da Acit abriu espaço para incluir outros grupos sociais nas rodas de discussão sobre a cidade. Até porque uma cidade é composta por moradores, crianças, jovens, trabalhadores, profissionais liberais, empresários e até aqueles em situação de rua. Todos iguais diante da lei e dos direitos. Uma cidade de todos e para todos é o fundamento do "sonho" das Cidades Fraternas que muitos de nós militam.  Este texto escrito pelo Edson de Castro é assustador. Uma elite de meia dúzia vai decidir a vida da cidade? Como? Vai ser criado um castelo e um conselho de nobres? E que rainha nós temos?
Espero que isso chegue ao povo nas ruas, aos grupos sociais, aos sindicatos de trabalhadores, às associações, aos clubes de serviços, às escolas e faculdades, e até ao que ainda está integro nos poderes constituídos.Basta mostrar a foto e a mensagem do tal Edson de Castro.                       
A nova corte real de nossa cidade. Júlio Carneiro


“Quando fazemos muitas "concessões", quando permitimos que o "desrespeito" a uma entidade de classe como a ACIT seja uma constante, não restará "força" para refutarmos esses "vilipêndios" que ocorrem "sistematicamente" por várias "autoridades políticas", ou melhor de "nichos sociais" que se consideram a "eminência parda" do poder de Taguatinga.
Se não houver "retaliação", irão continuar, até que nada reste, ou melhor, apenas a "pecha" de covardes, por não termos defendido a ACIT”. Assis Cruvinel


NOVOS PERSONAGENS
O site/blog Folha da Comunidade publicou uma nota com o titulo: GRUPO QUER DELETAR A ACIT, onde denuncia a tentativa de “esvaziar a entidade”.
Sobre a nota, o português de Beira Alta, o comerciante Fernando Brites, ex-presidente da Federação das Associações Comerciais do DF, postou o seguinte comentário nas redes sociais.



A ACIT ainda não se pronunciou formalmente sobre a polêmica. O fato da Administração Regional de Taguatinga ter “esquecido” de convidar a entidade para esta reunião, através de seu presidente ou de um representante qualificado não é nenhuma novidade.
Fato idêntico que provocou a revolta dos setores organizados da cidade aconteceu no ano passado no aniversário de Taguatinga. Durante a Sessão Solene da Câmara Legislativa em homenagem a data, no Auditório dos Pioneiros na Praça do Relógio, o cerimonial, coordenado pela administração regional, também  “esqueceu” de convidar um representante da ACIT para compor a mesa principal e em seu lugar colocou um REPRESENTANTE de um sindicato atacadista.

ESTA BRIGA VAI LONGE!







Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Folha da Comunidade DF - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo