ALMIR COELHO - Taguatinga perde um grande filho


Taguatinga perdeu um grande amigo.


o Advogado Almir Coelho, filho de dona Dalva.
*por Júlio Carneiro

Conheci Almir no início de 2006 quando eu estava na direção do Hospital Regional de Taguatinga – HRT - e ele acabara de ser eleito presidente do Conselho Regional de Saúde de Taguatinga, cargo que ele ocupou brilhantemente por 2 anos.
Pela primeira vez, o Conselho era presidido por um usuário e sua presidência foi de tamanha qualidade e dedicação que, a partir daí, o Conselho de Saúde nunca mais deixou de ter um usuário como presidente. É um fato quase inédito na história do SUS, pois normalmente esse cargo é cobiçado pelo gestor que quer dominar a situação.
Com o Almir na presidência nos anos de 2006-2007, o Conselho teve maior liberdade para a compor a agenda das atividades, aproximando as da real finalidade do Conselho: controle social.
Foi graça ao seu dinamismo que se realizou em 2006 o I Fórum de Saúde da Cidade de Taguatinga (o Fórum de Saúde entrou no calendário permanente e hoje já estamos próximo da décima edição).
Graças à sua visão social e política, foram realizados inúmeros contatos com os setores organizados da sociedade e com as autoridades, valorizando a saúde pública e lutando por recursos indispensáveis.
O Almir foi o "cara", competente, dinâmico e bem inserido na sociedade local, atuou com desenvoltura até em questões delicadas do dia a dia do Hospital Regional de Taguatinga – HRT.
Ele sempre possuía disposição para defender o SUS em qualquer espaço, inclusive nas vezes que tivemos de pedir ajuda ao Ministério Público.
Mas minha gratidão pessoal foi que a partir desse momento em que eu trabalhei junto com ele na diretoria do Conselho passei a descobrir a riqueza do capital social de nossa cidade. Entendi que para a Saúde Pública corresponder ao seu papel ela precisa interagir muito e de forma ética com a sociedade.

Foram anos especiais, que pela nossa desatenção pouco registramos visualmente.
Ainda assim, descobri uma foto dele presidindo uma reunião do Conselho (sentado ao lado de quem está falando) e outra em que ele compõe a mesa principal da Conferencia Regional de Saúde (Taguatinga em 2007).


Deus o recompense com uma festa na sua chegada ao céu e console sua mãe, a querida Dona Dalva e sua grande família, com vários membros também dedicados à Igreja e à sociedade.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Folha da Comunidade DF - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo